quinta-feira, 10 de junho de 2010

Realizada 2ª Mostra de Arte e Cultura da Região Centro Sul e Vale do Salgado

Há quatro anos o Governo do Estado do Ceará através da Secretaria da Cultura - SECULT e da Secretaria de Turismo – SETUR, criou e implantou juntamente com a Sociedade Civil nas diferentes regiões do Estado os 14 Fóruns Regionais da Cultura e do Turismo. Espaços esses de articulações e debates sobre temas pertinentes à cultura e ao turismo, identificando e priorizando demandas regionais e propondo alternativas de sustentabilidade regional, valorizando assim, a cultura cearense na sua diversidade, como referencial para criação de novos roteiros turísticos em todo o estado do Ceará, ao mesmo tempo em que, fomenta ações integradas que estimulem a produção, qualificação, a circulação e o consumo dos produtores e serviços culturais e sua inserção nos arranjos produtivos do turismo.

O Fórum da Cultura e do Turismo da Região Centro Sul e Vale do Salgado - FÓRUMCENTROVALE foi de fato constituído no ano de 2005 no município de Icó, onde se deu as suas primeiras reuniões. No ano de 2009, a Coordenadoria de Gestão de Sistemas Estaduais da Cultura – COGES, onde está à frente da mesma Coordenadoria a Sra. Rejane Reinaldo, esteve novamente a Icó para realizar a revitalização do Fórum, pois o mesmo se encontrava inativo há meses. Após todo o processo de reuniões, preparação para eleição da nova gestão e de fato realizada a eleição da nova gestão, foi constituído a nova Diretoria do Fórum da Cultura e do Turismo da Região Centro Sul e Vale do Salgado, ficando como Presidente o historiador, pós-graduado em Geopolítica e História, professor, coreógrafo, bailarino, compositor, artesão, produtor cultural e técnico em turismo o Sr. Lindevando Rodrigues Sousa (Vando Rodrigues). No ano de 2009 a Secretaria da Cultura do Estado – SECULT, por meio da Coordenadoria de Gestão de Sistemas Estaduais da Cultura – COGES juntamente com a Associação dos Proprietários, Artista e Escolas de Circo do Ceará – Aprece, realizaram o Projeto de Fortalecimento dos Sistemas Estaduais de Teatros e Circos, reunindo ações que viabilizarão a atualização do diagnóstico da situação atual dos espaços cênicos existentes nas macro-regiões do Ceará.

Através dessa ação, desenvolve-se um rico processo de formação na área das artes cênicas e musicais, por meio de oficinas, seminários, cursos e espetáculos, o que fortalecerá as políticas públicas da SECULT, para as áreas afins. Como resultado, foi pensado em realizar uma mostra de arte na região como culminância de todo processo realizado juntamente com o Fórum da Cultura e do Turismo da Região e a partir daí, deu-se início a 1ª MOSTRA DE ARTES DA REGIÃO CENTRO SUL E VALE DO SALGADO. Em sua 1ª Edição só estiveram presentes 3 (três) municípios: Jucás, Iguatu e Várzea Alegre.

Já no ano de 2010, o Fórum em sua nova gestão comera um ano, e para comemorar realizou nos dias 28, 29 e 30 de maio de 2010, no Teatro da Ribeira dos Icós, na cidade de Icó / Ceará, a 2ª MOSTRA DE ARTE E CULTURA DA REGIÃO CENTRO SUL E VALE DO SALGADO, assim, fazendo parte também das comemorações alusivas aos 150 anos do Teatro da Ribeira dos Icós. Sendo sua realização através do Fórum da Cultura e do Turismo da Região. Na sua 2ª Edição, a Mostra superou todas as expectativas dos organizadores, pois, os três dias de eventos que ocorreram no Teatro Municipal da Ribeira dos Icós com grandes artistas regionais, grupos musicais, grupos de danças, grupos teatrais, e exposições de artesanatos fizeram a noite icoense ficar mais brilhante. Na sua grade de programação do primeiro dia (28/05) do evento, se apresentaram os municípios de Umari - Com uma linda apresentação do Grupo de Xaxado Maria Bonita e exposição de artesanatos da Associação Cultural Maria Bonita; e o município de Cariús – Com o Grupo de Flauta Doce Sinfonia Jovem e Exposição do Artista Plástico Eliseu Jonas (Pepeu). Já na segunda noite da mostra (29/05) as atrações já ficaram por conta dos municípios de Várzea Alegre – O qual apresentou a Peça Teatral o Velório arrancando risadas e gargalhadas da platéia; O município de Quixelô – Que apresentou o Grupo de Dança Passe Mágico da comunidade da Salsa com o Espetáculo: Paz e Ritmo Dançante, Projeto Escala Cultural da Comunidade do Gaspar e ainda realizou exposição de seus artistas no hall do teatro da Ribeira dos Icós;

Ainda tivemos o município de Catarina – Que apresentou a lúdicidade da brincadeira do bumba-meu-boi com o grupo de Reisados e Caretas de Catarina, muita alegria, animação e interatividade com o público que riu e brincou com a partilha do boi; e para o encerramento da noite, o município de Iguatu fechou com chave de ouro, apresentando o Grupo Art Capoeira com a Dança do Maculelê, com muita evolução, luta com facões e com bastante agilidade dos membros do grupo, prenderam atenção do público diante de seus movimentos rápidos e expressivos que só a capoeira tem.

No seu terceiro e último dia, a 2ª Mostra de Arte e Cultura da Região lotou o Teatro Municipal da Ribeira dos Icós. Logo na abertura, ninguém esperava o que iria acontecer, pois uma aglomeração se fez diante a entrada do belíssimo teatro. O Monólogo: Deus Negro, encenado pela atriz icoense Iolanda Maria, que com sua bela expressão corporal e seu dinamismo atraiu uma multidão para prestigiá-la, e assim após apresentação do monólogo, todos foram para parte interna do teatro onde se deu continuidade ao evento. Na última noite, foi a apresentação do município de Icó com o Grupo de Dança Music – com a coreografia Eclipse, dança de rua – (street dance); logo após veio a Grupo Arte da Ribeira com a Peça: O Auto da Camisinha, que levou através da peça orientação e informações acerca de como se prevenir de doença sexualmente transmissíveis e como se usa uma camisinha, de forma bem lúdica, direta e objetiva. O grupo criado em 2009 pelo ator Bené Tavares, teve como primeiro espetáculo a peça de rua Inspetor Geraldo. Agora com mais de um ano de existência estão apresentando a peça, o Alto da Camisinha. Texto escrito por José Marapunga tem como objetivo, mostrar a importância do usos da camisinha. O elenco composto por Manuela, Jucicleide, Weliton Silva, Betovem Moreira e Bené Tavares, arrancou aplausos de todos que estavam presentes. E para terminar as apresentações de Icó, teve o Grupo de Dança Ritmo do Corpo – RDC, com a coreografia: Executivos, com uma presença forte de seus bailarinos em sua performance, estando a frente o coreografo Felipe Almeida, destaque para a diversidade de movimentos e estilo que o grupo apresentou.

Dando continuidade a noite de encerramento, o teatro teve a satisfação de receber os adolescentes da Fundação Raimundo Fagner com o Grupo Musical de Flauta e Violão e o Professor de Violão Alex Ramon que deu um show a parte, estando todos na batuta do Maestro Raimundo Nonato. A Fundação criada no dia 03 de abril de 2000, com os convênios Banco do Brasil e Raimundo Fagner, atende hoje 200 adolescentes em Orós e 170 em Fortaleza, tendo como objetivo resgatar as crianças em situação de vulnerabilidade. A coordenadora da fundação em Orós Janete ferreira Vieira, em suas palavras demonstra o orgulho de fazer parte de um projeto que leve em consideração a importância da arte na vida dessas crianças. Hoje com dez anos de existência a fundação disponibiliza dos cursos de musica, flauta, violão, percussão, canto e coral, artes plásticas, história da arte, esporte e reforço escolar. Por ultimo teve a apresentação do Grupo de Dança do Centro Social de Orós –CCF nos presenteando com danças regionais (coco, maneiro pau, forró e uma homenagem ao Ceará) sobre a Coordenação do Coreógrafo Fábio Holanda. O Presidente do Fórum da Cultura e do Turismo da Região, ressalta a ausência das autoridades tanto do município como da região ao evento e das pessoas diante dos eventos realizados na região referente a cultura popular e que não dão importância e nem valorização, principalmente no Icó. Eventos iguais a este levam informação, formação na área da cultura, turismo e educação, pois nossos Gestores Públicos Municipais precisam possibilitar mais incentivo, criar políticas públicas e acessibilidades a todos nos segmentos propostos. Estou como presidente do fórum durante um mandato de dois anos para ajudar aos municípios da região e não para fazer política, mas quando for necessário farei minha parte de criticar, fiscalizar, de cobrar e denunciar quando for necessário, assim como, realizar qualquer movimento que seja, para fortalecer e fomentar e assegurar o direito a cultura e o turismo da Região Centro Sul e Vale do Salgado. Pois o Fórum tem como missão, integrar as ações culturais e turísticas dos municípios e ser uma ponte de desenvolvimento e de diálogo entre a SECULT e a Região, possibilitando uma maior atenção aos municípios de pequeno porte, afirma o Presidente do Fórum da Cultura e do Turismo o Sr. Lindevando Rodrigues (Vando Rodrigues). Com isso, alerto desde já aos nossos Gestores Municipais: O Fórum está de olho nas ações e administrações da Região, e lembrem-se que o mesmo é também um grande aliado do Governo do Estado do Ceará e fiscalizador das ações dos Governos Municipais, Estaduais e Federais.

A 2ª Mostra de Arte e Cultura da Região Centro Sul e Vale do Salgado é uma realização do Fórum da Cultura e do Turismo da Região – FÓRUMCENTROVALE, teve como parceria neste evento a Prefeitura Municipal de Icó através da Secretaria da Cultura e do Turismo de Icó, na pessoa da Secretária Jéquelia Alcântara, patrocinadores Tiana Noivas e a Gráfica Icoense sendo uma Produção da VANROP – Vando Rodrigues Produções e Eventos e apoio das Prefeituras de: Cariús, Catarina, Cedro, Icó, Iguatu, Jucás, Orós, Quixelô, Umari e Várzea Alegre.

* Por Nara Cristina e Vando Rodrigues (Jornal Folha do Salgado )

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...