quinta-feira, 27 de junho de 2013

Rock no Cariri!



Poesia!

Quando nossa poesia brota
Quero vê-la 
palavra avoada 
brilhante como pupurina 
tacando brilho pelos cantos 
bailarinando com assopro
e varrendo nosso terreiro.

Alexandre Lucas

Reabertura da Casa de Taipa!


Abertura das férias é no Barzinho Casa de Taipa, com Missão Miranda, Dj Felipe. Mandando só o melhor do Puro reggae, Dia 06 de julho sábado, ingressos apenas 5 reais. Venha começar suas ferias em grande estilo....

Atenção Artistas, Editais abertos!

Natura, Correios e Sesc com editais abertos para apoio à música, teatro, artes visuais, literatura e seminários culturais
Outro edital nacional com inscrições abertas seleciona projetos para compor a programação do Espaço Cultural dos Correios. A empresa possui sete sedes, distribuídas por Fortaleza, Recife, Salvador, São Paulo, Rio de Janeiro, Juiz de Fora e Brasília. Até o dia primeiro de agosto, é possível enviar propostas de atividades para qualquer uma das unidades ou mesmo mais de uma.

Todos os anos, a programação da Mostra Sesc Cariri de Culturas movimenta as cidades da região: público cativo sedento por programação de qualidade

De acordo com a gestora do Espaço Cultural de Fortaleza, Magda Cruciol, é preciso estar atento apenas as especificações de programação comportada por cada uma delas. "A gente tem espaços diferentes em cada cidade. O Rio de Janeiro tem um centro cultural que comporta teatro, dança, audiovisual. Já o espaço de Fortaleza é menor e abriga exposições de artes visuais e as chamadas humanidades", ilustra.

No conjunto das sedes, os Correios aceitam propostas nas áreas de artes cênicas (dança e teatro), artes visuais (englobando pintura, artesanato, desenho, escultura, fotografia, gravura e filatelia), audiovisual, música e humanidades. Esta última, agrega atividades como saraus de poesia, encontros literários e outras atividades que envolvam leitura, além de debates, seminários e oficinas de formação sobre temas diversos, incluindo nas demais artes. "Eu chamaria atenção para a categoria humanidades. Tivemos poucos projetos inscritos no ano passado, mas está aberta a atividades de formação em qualquer linguagem", reforça Magda.

O resultado da seleção será divulgado em dezembro deste ano. As atividades ocuparão as salas culturais dos correios de março de 2014 a fevereiro de 2015. No total, serão disponibilizados R$15,5 milhões, sendo o orçamento da unidade de Fortaleza estimado em R$500 mil.

Acessibilidade
Assim como os projetos do Natura Musical, não é pré-requisito para a inscrição no Espaço Cultural dos Correios que o projeto esteja aprovado em Leis de Incentivo. Apenas após uma primeira fase de seleção, os projetos pré-aprovados serão indicados para a submissão por parte de seus proponentes ao MinC. "Esses projetos são comunicados e só então devem se inscrever na Lei Rouanet", diz.

Magda alerta aos interessados que, ao orçarem seus projetos, incluam nos custos gastos com ações de acessibilidade. Ela explica que este é um dos focos das atividades desenvolvidas nos centros culturais da empresa e é também uma exigência do MinC. "Não temos visto isso descrito nos projetos. Quando são aprovados, a gente tenta adequar para que englobem ações nesse sentido e muitos produtores questionam que o custo não estava previsto. Então, quando pensarem em uma exposição, por exemplo, pensem como incluir pessoas com deficiências e coloquem os custos na planilha. O MinC também tem essa exigência, isso também um diferencial para o projeto".

Artistas interessados em participar da Mostra Sesc Cariri de Culturas deste ano têm até o dia 24 de julho para enviar propostas. A mostra será realizada de 8 a 13 de novembro na região do Cariri e inclui atividades de artes cênicas (teatro, circo e dança), música, culturas populares, audiovisual, artes visuais, literatura e artes integradas.

Cariri
A inscrição pode ser feita pela internet através do site da mostra (www.mostracariri.com.br), onde estão disponíveis também a ficha de inscrição e detalhes sobre as propostas a serem enviadas. De caráter não competitivo, a Mostra Sesc Cariri chega a sua 15ª edição, levando ao interior do Estado apresentações de artistas de todo o País, incluindo alguns dos selecionados no Palco Giratório, que retornam ao Estado para encerrar o ciclo de apresentações do ano.

Os espetáculos selecionados por meio do edital devem ser pensados para ocupar espaços como salas de teatro, auditórios e mesmo espaços alternativos, como praças, ruas. Cada proponente deve detalhar na ficha de inscrição suas necessidades técnicas.

Além do preenchimento da ficha de inscrição, o Sesc pede aos que enviem em anexo, também via internet, release, fotos do espetáculo, mapas de palco e de luz, rider técnico, portfólio, currículo e plano de montagem.

Mais informações:Espaço Cultural dos Correios recebe até 1º de agosto propostas de ocupação. O edital está disponível no site www.correios.com.br. Contato: (85) 3255-7262. Mostra Sesc Cariri abriu inscrição de propostas em diferentes linguagens até dia 24 de julho. Contato:www.mostracariri.com.br


FIQUE POR DENTRO
Acompanhe editais abertos pelo facebook
Editais com inscrições abertas para as mais diversas linguagens artísticas, concursos, prêmios e inscrições para festivais, tudo pode ser acompanhado via facebook. Entre as páginas indicadas para quem quer se informar estão a "Central de Editais etc e tal", que traz pelo menos cinco atualizações diárias sobre os diversos temas. A página reúne publicações nacionais e locais de todos os Estados. Lá, estão disponíveis de informações sobre a Mostra Sesc Cariri e inscrições para mostra de curtas em Goiânia, a cursos gratuitos para formação de profissionais da cultura, passando por dicas de sites para troca de experiência em produção cultural. Neste mesmo viés, existe ainda o grupo de discussão "EDITAIS na área da cultura de todo o Brasil".

Outra boa dica é a página "Editais Brasil". Embora não tenha foco nos editais de cultura - com muitas publicações voltadas para concursos públicos - é possível ter notícias de concursos, por exemplo, para o Ministério da Cultura.

Específico para os músicos, o facebook tem ainda uma versão do site Festivais do Brasil (www.festivaisdobrasil.com.br), ferramenta bem completa e atualizada diariamente.


FÁBIO MARQUESREPÓRTER

E o que foi o "Papa Poluição" hein?


Músicos
Fausto Aguiar - guitarras (participação especial).
Paulinho Costa - voz e guitarra (arranjo de "Inferno da Criação")
Luís Penna - guitarra e voz
Beto Carrera - guitarra e voz
Tiago Araripe - violão percussão e voz
Bill Soares - baixo e voz
Xico Carlos - bateria

**************************************
Grupo Papa Poluição, formado na cidade de São Paulo em 1975, tinha um som de rock brasileiríssimo, composto por experimentações, misturando a cultura nordestina, com a poesia concretista de Décio Pignatari e as guitarras. A maioria dos seus integrantes era de nordestinos. Tiago, Bill e Chico eram do Ceará, Paulino e Luís, da Bahia, e o restante do grupo, da capital paulista. O paulista Cid Campos também atuou no grupo como baixista. Na sua breve carreira, que durou até 1980, o Papa Poluição lançou apenas dois compactos: um duplo pela Chantecler em 1976 e outro compacto simples pela Top Tape em 1977.

Uma novidade boa é que o LP "Cabelos de Sansão" do Tiago Araripe, originalmente lançado nos anos 80, deve ser relançado em CD brevemente! E isso também é outra história...

fonte:http://criaturadesebo.blogspot.com.br/2008/02/papa-poluio-1976-e-1977-01-rola-cco-02.html

terça-feira, 25 de junho de 2013

Hummmmm!




Em JULHO saia do Crato não....
Só uma dica, um convite...entenda como quiser!
Fonte: PROGRAMAÇÃO SESC, facebook

sábado, 22 de junho de 2013

O Caldeirão da Santa Cruz do Deserto!



Resgate da memória e da história da comunidade religiosa do Caldeirão, liderada pelo beato José Lourenço, que se organizava em moldes comunitários primitivos. Depois de alcançar grande progresso, a comunidade foi destruída pela polícia cearense e pelo bombardeio de aviões, em 1936, deixando mais de 2 mil camponeses mortos. A partir dos depoimentos dos remanescentes e dos símbolos da cultura popular, o filme faz uma reflexão sobre o poder, a liberdade e a luta pela terra.

Gênero: Documentário
Diretor: Rosemberg Cariry
Duração: 96 minutos
Ano de Lançamento: 1985
País de Origem: Brasil
Idioma do Áudio: Português

IMDB: Não cadastrado.

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Atenção Artistas!


O Edital de inscrição para Mostra Sesc Cariri de Culturas 2013 estará disponível no sitewww.mostracariri.com.br, a partir do dia 24 de junho. Inscreva seu projeto.

FATINHA GOMES EM MAIS UMA APRESENTAÇÃO!

Povo Meu!!!!!!!!
Vou cantar essa sexta feira(AMANHÃ),dia 21 de Junho,a partir das 21:00 horas estaremos eu e Fabrício da Rocha lá no CANTINHO DO PIMENTA,no repertório muitas novidades,Sambas,Bossas e outras delicias da música!!!! 
Convidando todo mundo!!!
Festa linda com gente fina,elegante e sincera!
Venham lotar meu coração!!!!!




quarta-feira, 19 de junho de 2013

CARCARÁ!





Eu perguntei a natureza, e ela não me respondeu não
Se não é seca, é enchente, fazendo dessa gente
Bravo, forte e robusto, ter que estender a mão

Em 1950, 10% da população do Piauí viviam fora de sua terra natal
13% do Ceará
15% da Bahia
17% de Alagoas
Com problemas, fome
E enquanto isso, um colar com 40 pérolas de águas marinhas brasileiras era entregue a Rainha Elizabeth

Trecho da peça Opinião

GREVE GERAL!


Agora é a vez do Crato se manifestar! Divulgando...

 Atenção população do Cariri, se manifestem através dos comentários, quem quiser ver seus textos divulgados, quem quiser expor suas insatisfações, entre em contato com meu e-mail: janinhayh@hotmail.com.
Pra quem acredita que a situação precisa melhorar, por um novo país, um novo CARIRI, se façam presentes nas manifestações, reivindiquem seus direitos!
O CULTURA NO CARIRI APOIA A MANIFESTAÇÃO! 






APANHAMOS!!!!!!!!

*Desabafo do Matheaus Siebra sobre a manifestação ontem em favor dos professores em Juazeiro do Norte!

Prefeito Raimundão  "preso" no Banco do Brasil! 


Apanhamos de forma gratuita, covarde e violenta da Polícia Militar e Guarda Civil de Juazeiro do Norte. APANHAMOS e, antes que as pessoas postem seus absurdos em defesa de um político safado ou da ação de um "polícia heróica que repreende o vandalismo", escrevo este texto para mostrar a todos a verdade dos fatos.

Pois bem. Como todos já devem saber, a passeata partiu do CERE, em frente ao Batalhão da Polícia Militar e seguiu de forma pacífica pela São Pedro até chegar na Praça Padre Cícero. Quando eu cheguei no Centro Cultural Banco do Nordeste, na esquina da Rua Santa Luzia, mais ou menos as 17:00h, parei juntamente com 5 ou 6 amigxs para descansar um pouco e ver a passeata passar. Neste momento, um conhecido meu que não estava participando da manifestação me informou que Raimundão estava em frente ao Banco do Brasil. Eu desci até lá para ver se era ele mesmo. Era. Voltei para chamar os manifestantes, que logo se aglomeraram em frente ao prédio gritando palavras de ordem. Pronto, começou o protesto pacífico que alguns já chamam de "estudantes sitiando o prefeito".


Somente após uns 10 minutos a Polícia Militar e Guarda Civil chegaram ao Banco do Brasil para "evitar que invadíssemos ou depredássemos o prédio". Acredito que durante 10 minutos sem policiamento poderíamos ter invadido e depredado o prédio de todas as formas que quiséssemos, vocês não acham? Mas esta não era a nossa intenção. Nós não queríamos depredar patrimônios e bla, bla bla. Não somos vândalos! Apenas queríamos que Raimundão cedesse às nossas vontades, ou seja, aceitasse as nossas reivindicações. Os policiais e guardas entenderam isto. Perceberam que nosso protestos era democrático e pacífico. Tanto é que durante mais de 6 horas nós estivemos no mesmo ambiente sem que houvesse agressão e provocação por nenhuma das partes. Pelo contrário. Os próprios policias demonstravam simpatia à nossa causa, sorrindo para nós, batendo fotos do movimento e conversando com os manifestantes de forma amigável.

Neste meio tempo, houve uma tentativa de "resgatar" Raimundão através de um carro forte. Diferentemente do que já se noticia nos sites e blogs de todo o Brasil, ao ver o carro forte, os manifestantes apenas barraram a passagem, impedindo-o de adentrar no estacionamento do Banco do Brasil para que pegasse o prefeito. Eu mesmo conversei com um guarda que estava no interior do veículo através de uma pequena abertura na porta, aconselhando-o a dar meia volta, afinal, nós não permitiríamos que Raimundão saísse do local sem atender às nossas reivindicações ou, pelo menos, sem dar uma satisfação.

Por volta das 23:00h, depois de quase 6 horas dentro do Banco do Brasil, Raimundão percebeu que nós não cederíamos ao cansaço. Estávamos decididos a não deixar o local enquanto ele não conversasse conosco. Foi então que ele mandou a um mensageiro que formássemos uma comissão para negociar com sua comitiva no interior do prédio. Todos nós nos sentamos no asfalto para votar a comissão de 5 estudantes e 5 professores que adentraria no Banco, a pedido do próprio prefeito, para negociar o fim do protesto. Foi neste momento que, de forma desprezível, os PMs e Guardas Civis decidiram trair a confiança que até então estávamos depositando neles (pois eles demonstravam muita simpatia ao movimento e aos manifestantes) e começaram a soltar spray de pimenta em nossas caras sem motivo algum.

Repito: Os policiais militares e guardas civis começaram a soltar spray de pimenta nos manifestantes que estavam SENTADOS, votando quem comporia a comissão. Ou seja, começaram a nos agredir de forma gratuita e incompreensível para nós. Após o ataque, os manifestantes começaram a se dispersar, todos tossindo, sem conseguir falar e abrir os olhos. Lógico que este ataque surpresa e gratuito da polícia gerou revolta em muitos manifestantes, que decidiram revidar. Alguns jogaram pedras na direção dos policiais e guardas, enquanto outros partiram para o contato físico. Então começou a pancadaria, a polícia e guarda civil não exitaram em usar seus cassetetes e escudos contra nós, nos agredindo violentamente e com uma força desproporcional.

Só agora, depois que cheguei cansado em casa e escrevo esse texto, é que percebi o motivo do ataque por parte da polícia. Esta foi a estratégia traçada por Raimundão e sua corja para que ele pudesse sair do prédio. Assistindo um vídeo gravado por uma manifestante, vi que durante a pancadaria, o prefeito aproveita para entrar no camburão da PM (só que pela porta da frente e não pelo bagageiro como deveria). Ou seja, amigos, a Polícia Militar e a Guarda Civil jogou, sem motivo aparente algum, spray de pimenta em nossas caras para incitar o nosso ódio e o revide. Quando revidássemos, eles teriam um motivo para nos atacar ainda mais violentamente, fazendo com que o protesto se dispersasse e Raimundão finalmente conseguisse sair do Banco do Brasil e continuasse com seus compromissos inúteis, como a abertura do JuáForró.

Meus amigos, quase mil pessoas foram agredidas pela Polícia Militar e Guarda Civil somente por estarem reivindicando seus direitos por meio de uma manifestação democrática e pacífica.

APANHAMOS de graça por policiais e guardas que consideram que os compromissos e bem estar de um conhecido LADRÃO da região é mais importante que a integridade física de mil honestos cidadãos! APANHAMOS! Mas hoje não fomos somente nós, os manifestantes, que saímos marcados. Toda a sociedade sofre profundamente as marcas da violência de um sistema podre e sujo, que gera desigualdades e, agora, descontentamento. O pior de tudo é saber que muita gente vai defender Raimundão e a ação dos militares, que, como expus acima, são os verdadeiros vândalos e terroristas!

Mas a vocês, policiais, guardas, políticos corruptos e seus eternos bajuladores, fica o meu aviso: AS COISAS ESTÃO MUDANDO. Novos ventos estão soprando e é a favor do povo. A gente está se levantando e quando o povo se levanta, as coisas começam a feder pro lado dos sujos, o lado de vocês!


fonte: Matheaus Siebra!

sexta-feira, 14 de junho de 2013

Pôr do Sol!


Um pouco sobre a " Missão Miranda"

O grupo caririense valendo-se da cultura regional 
desenvolveu características peculiares fazendo o sincretismo entre as 
influencias reggae e ska e o regionalismo, conta com trabalho autoral 
que vem demonstrando excelente aceitação pelo público, abordando as 
múltiplas facetas dos sentimentos humanos, a sociedade e o meio 
ambiente. 
O grupo popularizou-se graças as suas apresentações 
performáticas e um repertório próprio. Com bons arranjos e letras bem 
elaboradas, tem se apresentado com freqüência nas casas de eventos da 
região. O sopro do reggae, música título do CD, Ruas, Retorno ao Cariri,
algumas das músicas que colocaram a banda em destaque na cena reggae 
caririense.




"Missão Miranda era o nome inicial do Crato! "
resultou de um movimento missionário dos frades Capuchinhos de Recife, cujo objetivo era catequizar e civilizar os povos indígenas.  Hoje, a banda vem nos trazer a doutrina de JAH  e lavar a alma do Cariri com sua poesia, ritmo, harmonia e leveza , em uma séria brincadeira de louvor e dança, engrandecendo o cenário musical da região, onde a missão não é a de impor  uma  ideologia como fizeram nossos antepassados, mas integrando a "galera"  na  mais  "pura"  liberdade de ser, poder, fazer música, mistura, miscigenação, experimentos vários, naturais, místicos,  na  legítima  paz  ensinada pelo Papa  Bob Marley!

SALVE  A  VERDADEIRA MISSÃO MIRANDA!!!!!!

São Jah!!!!!

M.M PRODUÇÕES Apresenta: 
Uma noite de MUITA POSITIVIDADE & REGGAE SOLTO PELO AR no MELHOR SÃO JOÃO DO CARIRI, QUER DIZER AQUI É "SÃO JAH".
Todo mundo convidado pra entrar nessa vibe, vamos nessa? 

"Deixa a energia do som te levar, a vibe positiva solta pelo ar" ♪




terça-feira, 11 de junho de 2013

Cantigar!


Conheçam a música autoral do Cariri!

Esse fim de semana tem show autoral com Cômodo Marfim e Águas de Marte!

https://soundcloud.com/aguasemmarte/entorpecer





O SESC nos presenteia sempre!

O Sesc Crato apresenta o acordeonista internacional erudito: Mirco Patarini.

Dia 10 de junho na Igreja São Francisco (Bairro Pinto Madeira - Crato), às 19 horas.

Dia 11 de junho na Igreja Nossa Senhora das Angústias (em Tarrafas), às 20 horas.

No enredo, os problemas sociais e as políticas públicas que refletem

 os valores e comportamentos do homem moderno são debatidos de 

uma forma bem humorada. A classificação é 14 anos.


São JAH!!!


segunda-feira, 10 de junho de 2013

Teatro Maria Fumaça


O LUGAR E SUA MISSÃO

O complexo da antiga RFFSA (Estação de trem do Crato), inaugurado em 1926, hoje denominado Centro Cultural do Araripe é um patrimônio histórico e arquitetônico que precisa cumprir sua missão de servir ao desenvolvimento sociocultural e turístico de nossa cidade, proporcionando entretenimento, lazer, arte e cultura.

Três prédios antigos lá existem. Um, a Casa do Agente, sedia a Secretaria de Cultura; o principal, onde havia embarque e desembarque de passageiros, está, segundo me consta, destinado acertadamente a ser um espaço cultural multifuncional (para exposições, cursos, oficinas, intervenções artísticas diversas etc.), mas também poderia ser o Museu de Arte Vicente Leite; e o terceiro, aquele que era o depósito de material trazido e levado pelo trem cargueiro, possui um auditório/teatrinho bem simpático e, em parte de suas dependências, funciona um bar/restaurante sem ênfase cultural.

O TEATRO MARIA FUMAÇA

Penso que o restaurante deva funcionar naquela parte alta na qual existe uma pracinha, onde muitos jovens se reúnem pra fumar maconha, crack e outros delitos, espalhando-se livremente pelo gramado. Esse equipamento seria entregue à iniciativa privada mediante licitação e regras claras de funcionamento e segurança, coibindo a prática de ilícitos. .

Já o prédio do auditório/teatrinho passaria a ser chamado TEATRO MARIA FUMAÇA, em referência à sua história, todo ele explorado com fins culturais por ONG local escolhida igualmente via ato licitatório. 

O novo teatro, com cerca de 90 ou 100 lugares, espaço para cursos e oficinas, além de área reservada estudo das artes circenses e folguedos (a que fica atrás do prédio).

O Ponto de Cultura Sociedade Cariri das Artes, a Cia. Brasileira de Teatro Brincante e o Circo-Escola Alegria se interessam pelo espaço, garantindo funcionamento permanente de atividades de teatro, dança, circo, cinema, música e folclore, além de ações de formação e intercâmbio. 

Gostaríamos, portanto, de conversar com a secretária Dane de Jade e o prefeito Ronaldo Mattos a respeito dessa ideia. 

Crato-CE, 9 de junho de 2013.

Cacá Araújo
Diretor da Cia. Brasileira de Teatro Brincante

Josernany Oliveira
Diretor do Circo-Escola Alegria

Joseany Oliveira
Presidente da Sociedade Cariri das Artes

quarta-feira, 5 de junho de 2013

Bate Papo!


Música para a Alma!



 Me disse vai embora, eu não fui
Você não dá valor ao que possui
Enquanto sofre, o coração intui
Que ao mesmo tempo que magoa o tempo
O tempo flui

E assim o sangue corre em cada veia
O vento brinca com os grãos de areia
Poetas cortejando a branca luz
E ao mesmo tempo que machuca o tempo me passeia

Quem sabe o que se dá em mim?
Quem sabe o que será de nós?
O tempo que antecipa o fim
Também desata os nós
Quem sabe soletrar adeus
Sem lágrimas, nenhuma dor
Os pássaros atrás do sol
As dunas de poeira
O céu de anil no pólo sul
A dinamite no paiol
Não há limite no anormal
É que nem sempre o amor
É tão azul

A música preenche sua falta
Motivo dessa solidão sem fim
Se alinham pontos negros de nós dois
E arriscam uma fuga contra o tempo
O tempo salta
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...